Nelson Amâncio Madalena ( Período: 1983 - 1987 )

Nasceu em Rio do Sul, a 22 de janeiro de 1945, filho de João Amâncio Madalena e Nice Oliveira. Provavelmente tenha sido, ao lado de Antônio Carlos Vieira e Ivan Luiz de Mattos, o mais legítimo agente fazendário a ocupar o cargo de Secretário em Santa Catarina. Nelson Madalena começou sua carreira no serviço público como funcionário do então Serviço de Fiscalização da Fazenda, aos 18 anos de idade, em 1963. Era Diretor do Serviço, o Fiscal de Tributos Ivan Luiz de Mattos, que posteriormente ocupou o cargo de Secretário no Governo Ivo Silveira. Nelson Madalena começou sua trajetória exercendo as funções de operador do serviço de rádio mantido pela Fiscalização, para se comunicar com suas Inspetorias no interior do Estado. Em 1966 foi convidado para prestar assessoria ao Gabinete do Secretário da Fazenda. Nesta posição permaneceu até 1978, prestando assistência técnica não só ao Secretário Ivan Mattos como também aos Secretários Sérgio Uchôa Rezende e Ivan Bonato, que o sucederam. Em 1978, após ter ingressado, por concurso, na carreira de fiscal de tributos do Estado, foi nomeado Procurador Geral da Fazenda, cargo que exerceu até 1982. No governo de Henrique Córdova foi convidado pelo Secretário da Fazenda, Ivo Silveira, para ser Secretário-Adjunto, posição que manteve junto ao Secretário do novo governo Esperidião Amin, Arno Batschauer. Em setembro de 1983 foi convidado pelo Governador para substituir Batschauer, tendo nesse período exercido interinamente três Secretarias: além da Fazenda, ocupou igualmente a Administração e a Indústria e Comércio.Secretário de Estado da Fazenda no período de 12.09.1983 à 15.03.1987. Em 1987 foi convidado para prestar assessoria à Sub-Comissão de Tributos da Assembléia Nacional Constituinte, junto ao Congresso Nacional, em Brasília. Nos dois anos seguintes, 1988 e 1989, mudou-se para a Capital Federal, ocupando o cargo de Assessor Especial do Ministério da Fazenda. Era Ministro Mailson da Nóbrega. Nos dois anos seguintes, tendo se aposentado do cargo de Fiscal de Tributos, prestou consultoria contábil e tributária a grandes empresas catarinenses, como Perdigão, Sadia, Ceval (atualmente Bunge) Cecrisa e a entidades como a Federação das Indústrias do Estado. Em 1992 e 1993 ocupou a Secretaria Municipal de Finanças, na gestão do Prefeito Bulcão Vianna, cargo que voltou a ocupar em 1998, na administração Angela Amin, nele se mantendo até a presente data. É relevante observar que Nelson Madalena alcançou a titularidade na Secretaria da Fazenda após ter construído uma carreira inteiramente dedicada à essa Repartição, tendo assessorado diretamente nada menos do que quatro Secretários – Ivan Mattos, Sérgio Uchôa Rezende, Ivan Bonato e Arno Nery Batschauer – antes de ocupar o cargo, em 1983.

Prezado usuário!

Estamos em processo de reformulação do nosso portal web e gostaríamos de sua opinião sobre os conteúdos disponibilizados atualmente aqui. Baseado em seus relatos, projetaremos o conteúdo que apresentaremos em nosso novo portal de forma mais eficaz. Agradeceríamos se você disponibilizasse um pouco do seu tempo para responder nossa pesquisa. Não coletamos dados pessoais, somente informações sobre sua experiência quando visita nosso portal.

Clique no botão abaixo para iniciar a pesquisa.

Prezado usuário!

Detectamos que você iniciou o preenchimento de suas respostas no questionário, porém elas ainda não foram enviadas. Clique no botão abaixo para continuar a pesquisa.

Ilustração com passos de um lista de etapas incompleta
Pesquisa enviada com sucesso!

Agradecemos encarecidamente por contribuir para tornar o portal web da Secretaria de Estado da Fazenda de Santa Catarina o local de referência para auxiliá-lo na resolução de suas dúvidas.

Ilustração com pessoas comemorando

Agora que você respondeu o questionário você já está pronto para enviar suas respostas.

Ilustração com pessoas comemorando

Erro de transmissão!
Tente novamente mais tarde

Ýcone de chat Feedback