25/05/2017


Governador apresenta a 2ª edição do Fundam e destaca a importância do programa para a retomada da economia



Como uma medida essencial para dinamizar a economia catarinense a partir do próximo semestre, o governador Raimundo Colombo apresentou na manhã desta quinta-feira, 25, a segunda edição do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam) aos prefeitos e lideranças da Associação dos Municípios do Vale do Itapocu (Amvali), em Jaraguá do Sul. O investimento previsto neste ano é de R$ 700 milhões em todos os municípios.
 
 
O governador acredita que a vida nas cidades melhora quando se faz investimento por meio de quem está mais próximo. No caso do Fundam, o destino dos recursos é uma decisão de cada município. Conforme Colombo, a verba é repassada para as prefeituras, que definem as obras prioritárias. “Assim conseguimos manter o que é essencial para a qualidade de vida catarinense: a nossa boa distribuição demográfica. Santa Catarina tem uma vocação empreendedora, nosso povo é trabalhador e se tiver oportunidade produz, gera riqueza e melhora a vida de todos. Por isso, o apoio e os investimentos são essenciais para que as pessoas crescam nas cidades onde estão”, disse o governador. 
 
Na primeira edição do Fundo de Apoio aos Municípios, foram investidos R$ 606 milhões nos municípios catarinenses com gerenciamento e controle pela equipe do BRDE. Os municípios aplicaram os recursos em diferentes áreas, especialmente em saúde, educação, saneamento básico e infraestrutura. 
As prefeituras não precisam dar contrapartida. Foram mais de 1,3 mil ruas pavimentadas, o que representa um total de 538 quilômetros lineares, 56 obras realizadas e quase mil novos equipamentos e máquinas compradas em todas as cidades do Estado. Nos municípios de Corupá, Barra Velha, Guaramirim, Jaraguá do Sul, Massaranduba, São João do Itaperiú e Schroeder foram disponibilizados R$ 16,7 milhões.
 
Já está na Assembleia Legislativa o projeto do executivo pedindo a aprovação para que o Estado realize os financiamentos dos recursos necessários para a segunda edição e deve ir a votação na próxima semana. A proposta do Fundam 2 já tem o aval do Governo Federal e da diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
 
Depois do lançamento, as equipes das prefeituras farão um trabalho em conjunto com as ADRs na elaboração dos projetos, dentro das características previstas para depois apresentar aos gestores do programa. No encontro com o governador, os prefeitos da região agradeceram pelos investimentos realizados na primeira edição do Fundam, deram sugestões sobre o programa e falaram das prioridades dos seus municípios.
 
 
O prefeito de Guaramirim e presidente da Amvali, Luiz Chiodini, ressaltou a parceria do Governo do Estado e municípios. “Esses recursos melhoram a qualidade de vida nas cidades. É um apoio muito importante para podermos fazer e agilizar ações”, ressaltou. Durante o encontro, o governador destacou ainda os esforços do Governo para honrar os compromissos no ano passado. Colombo lembrou que o Estado não aumentou impostos e que, apesar do cenário de crise nacional, Santa Catarina tem conseguido manter o equilíbrio das contas públicas e um bom ritmo de investimentos e geração de emprego, a exemplo do saldo de mais de 1,8 mil vagas registradas em abril, segundo dados do Caged. 
 
Este é o terceiro encontro de 21 que serão realizados em todas as regiões do Estado. O primeiro foi em Mafra, no Planalto Norte, e o segundo em Tubarão, no Sul catarinense. O próximo será em Chapecó, nesta sexta-feira, 26.
 
Também estiveram presentes no evento em Jaraguá do Sul os secretários da Saúde, Vicente Caropreso, da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, do Desenvolvimento Econômico e Sustentável, Carlos Chiodini, e os executivos regionais das ADRs de Jaraguá do Sul, Leonel Floriani, de Joinville, Simone Schramm, além de deputados e outras autoridades.
 

*Com informações de Elisabety Borghelotti (Secretaria de Estado da Comunicação de SC)