Ubiratan Simões Rezende ( Período: 2011 - 2011 )

Natural de Porto Alegre – RS, em 31 de julho de 1948, é filho de Maximino Guedes Rezende e Julieta Simões Rezende é casado com Elsa Sarlet Rezende, com quem teve seis filhos. Nasceu em Porto Alegre, mas passou boa parte da infância em Bom Jesus da Serra, também no Rio Grande do Sul. É especialista em regimes políticos e gestão, experiente na condução de equipes de pronta resposta. Ph.D. em Administração Pública pela Universidade do Sul da Califórnia (EUA), é formado em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Mestre em Teologia pela Universidade Lateranense de Roma. Já lecionou Política Comparada, História do Pensamento Político Católico, Gestão e Ética e Direito Empresarial, Teoria da Administração e Direito Internacional Privado nas universidades federais do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, na Escola de Pós-Graduação de Estudos Internacionais Avançados da Johns Hopkins University, em Washington D.C., e no La Roche College, em Pittsburgh, onde foi também pró-Reitor de Pós-Graduação. Na UFSC, foi professor de pós-graduação do curso de Administração e na UNISUL, de graduação em Administração e Relações Internacionais. É professor titular de Gestão e Política Comparada dos departamentos de Política e de Gestão de Negócios da Universidade Ave Maria, na Flórida, Estados Unidos, onde regressou em 2007, depois de assessorar com sucesso a campanha para o Senado do atual governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo. Em Washington, Rezende serviu à Organização dos Estados Americanos (OEA), como chefe de gabinete do secretário-geral, e trabalhou como consultor do Banco Mundial na área de governo eletrônico. Também foi vice-presidente de Operações Internacionais da Mastec, multinacional americana. No Brasil, foi diretor-executivo da TV Barriga Verde, diretor de Planejamento e vice-presidente interino do Grupo Perdigão e diretor da Única/FGV e diretor do SEBRAE/SC. Na esfera pública, atuou como diretor da BNDESPar, sociedade gestora de participações sociais (holding) do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); diretor de Planejamento da Fundação de Serviços Públicos ligada ao gabinete da Presidência da República (FUNCEP). No Rio Grande do Sul, entre 1969 e 1976, foi diretor de Planejamento da Secretaria da Saúde e assessor especial do governador do Estado. Em Santa Catarina, ocupou a presidência da Fundação de Economia e Planejamento no governo de Jorge Konder Bornhausen; Presidente do Instituto de Planejamento Técnico e Econômico de SC entre 1979 e 1980. Foi secretário de Estado de Administração do governo de Esperidião Amin em 1999; Foi Secretário de Estado da Fazenda no período de 1º de janeiro de 2011 até 04 de outubro de 2011. Atualmente, é professor titular de Gestão e Política Comparada dos departamentos de Política e de Gestão de Negócios da Universidade Ave Maria, na Flórida, Estados Unidos, para onde regressou.